Tuesday, January 10, 2012

0 CELULITE INFECCIOSA O QUE É, COMO TRATAR

Bem diferente dos furinhos que aparecem no corpo feminino e não causam danos à saúde, a celulite infecciosa é uma doença grave.

Com febre acima de 38ºC e dores intensas na região embaixo do braço esquerdo, a vigilante Maria Teresa Barbosa procurou um hospital. Depois de ser examinada, ouviu, surpresa, um diagnóstico.

— Ele disse que eu estava com celulite infecciosa, me internou e receitou antibióticos — conta.


Bem diferente da celulite que marca o corpo de muitas mulheres, a do tipo infecciosa é uma doença grave, que pode ser letal. O distúrbio ocorre quando o tecido subcutâneo inflama. Já a versão inofensiva, chamada pelos médicos de lipodistrofia ginoide, é o efeito estético do acúmulo de gordura.

Infecção perigosa
A dermatologista estética Tânia Vilela explica que a celulite infecciosa é provocada por vários tipos de bactérias. Os recém-nascidos estão mais sujeitos à ação de estreptococos, estafilococos e hemófilos. Os idosos, por sua vez, podem ser afetados por micro-organismos do tipo pseudomonas.

A infecção ocorre quando existe uma porta de entrada, como uma ferida ou uma picada de inseto. Segundo a médica, o problema pode ocorrer no rosto, em função de uma acne ou de um problema odontológico. Nesse caso, o cuidado deve ser redobrado.

— Na face é mais perigoso porque pode levar a uma meningite bacteriana ou a lesões nos olhos — alerta.

A celulite pode, ainda, se manifestar como dolorosas bolhas, capazes de provocar necrose do tecido ao se romperem.

— Embora seja mais raro, o quadro pode evoluir para infecção generalizada — afirma a dermatologista Bárbara Uzel. Essa é a variante mais perigosa desse mal, pois o paciente corre o risco de morte.
Palavra de especialista
A celulite comum é o terror das mulheres. A do tipo infecciosa afeta também os homens?
Bárbara Uzel: Não se deve confundir a celulite que acomete as mulheres, cujo nome científico é lipodistrofia ginoide (mais comum em mulheres por questões hormonais), com a celulite infecciosa, que pode acometer homens e mulheres em qualquer idade, principalmente pessoas com baixa imunidade, como pacientes em tratamento de quimioterapia, por exemplo.


Erisipela e celulite infecciosa são a mesma doença?
B.U: Não. A erisipela é uma infecção também bacteriana, porém, mais superficial da pele. Ela também afeta vasos linfáticos e acomete principalmente membros inferiores, geralmente associada a um ferimento prévio que infecciona e evolui para erisipela.

Este tipo de infecção pode deixar sequelas? Quais são elas?
B.U:  Se for tratado precocemente, este distúrbio não deixa sequelas, mas se evoluir sem tratamento, pode deixar cicatriz. Como é uma infecção bacteriana, se não for corretamente tratada, pode evoluir para uma infecção sistêmica e levar à morte.

O diagnóstico da celulite infecciosa é complicado. A infecção é desconhecida por parte dos médicos?
B.U: Não é difícil, pois trata-se de um quadro clínico muito clássico e a maioria dos médicos está preparada para reconhecer. O fundamental é o tratamento precoce com antibióticos e exames de acompanhamento para a detecção da bactéria.

About the Author

Author info. Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these with your own descriptions, if you like it Subscribe to Our Feed and Follow Me on Twitter

    Other Recommended Posts

  • Bem Estar

0 comments:

Post a Comment

 
back to top //PART 2